domingo, 1 de julho de 2012

Meu casamento - Parte 5: A Decoração

Olá meninas, tudo bem?


Ontem à noite eu estava mexendo em algumas coisas no blog e meio que sem querer eu acabei postando novamente uma postagem antiga (que é essa que vocês estão lendo). Ela foi postada originalmente no ano passado, acho que em setembro e ontem (sabe-se lá o motivo, rs) eu acabei mexendo nela e postando de novo... afh... só percebi hoje de manhã! Desculpa aí gente, rsrs, a partir de agora vou tomar mais cuidados... bom de qualquer forma para quem não leu ainda, é uma boa oportunidade para saber um pouquinho sobre minha saga na decoração do meu casamento. Na época eu misturei fotos oficiais e não oficiais, então não reparem, rsrs.

Neste post vou contar sobre a decoração do meu casamento e mostrar algumas fotos para vocês. Planejar esta etapa foi ao mesmo tempo uma experiência prazerosa e estressante, rsrs, pois tivemos alguns tropeços, mas no final deu tudo certo e nós ficamos muito felizes com o resultado.

Como eu já mencionei em outro post, nós fechamos um serviço de buffet que incluía a decoração no pacote, com exceção das flores e da mão de obra do florista, e que por esse serviço nós pagaríamos R$ 4.000,00. Pois bem, decidimos não ultrapassar os R$ 5.000,00 somando os gastos com os demais detalhes da decoração, mas logo em seguida descobrimos que isso seria muito difícil, pois só a mão de obra do florista já custaria mais R$ 300,00, além disso, como o casamento seria à noite precisaríamos alugar pontos de luz, o que custaria R$ 10,00 por ponto, então a coisa começou a apertar e elevamos com muita dificuldade nosso teto para R$ 5.500,00.

O primeiro desafio foi escolher as cores. Em um primeiro momento nosso desejo era casar com uma decoração rústica, toda em madeira usando somente rosas vermelhas na decoração, mas alugar o mobiliário rústico iria pesar mais no orçamento e decidimos mudar nossos planos. Pensamos então no clássico verde e branco e esta ideia ficou em nossas cabeças por um bom tempo, mas achamos que precisávamos de mais cor, então me encantei com a combinação de rosa e marrom e cheguei a planejar toda a papelaria nessas cores, mas o Estevão achou que tinha muito rosa, rsrs, e nós acabamos mudando de ideia de novo. Durante minhas visitas à internet percebi que o amarelo era uma cor que combinava muito bem com casamentos. Como o mobiliário que o buffet oferecia no pacote era todo branco decidimos usar o amarelo para dar um toque de cor, mas optamos por usar o amarelo combinado a outras cores para deixar o ambiente com um ar bem alegre.

Durante esse processo eu descobri o blog da Carolina Souza Lima (vou falar dela muitas vezes por aqui no Sposata!) que trabalha com assessoria e decoração de eventos aqui no Rio. Na primeira visita que fiz ao blog já me tornei fã do trabalho dela, pois acho simplesmente incrível a maneira como ela trabalha com as cores, e diferentes tipos de flores para criar combinações ousadas e deslumbrantes. Uma dessas combinações foi o amarelo, laranja e rosa, que eu vi em vários casamentos decorados por ela, tanto em tons pastéis, mais suaves, criando quase um degradê, quanto em tons fortes deixando a atmosfera colorida e vibrante. E foi essa a nossa escolha para o grande dia.

A primeira proposta de decoração floral foi um grande susto, pois o florista me passou um orçamento de R$ 1.400,00, só de flores, fora a mão de obra dele e o frete. Totalmente fora de cogitação. Na hora eu fiquei desesperada, porque faltava muito pouco tempo para o casamento e eu não sabia o que fazer. Para quem planeja gastar de R$ 20.000,00 em diante com o casamento esse valor pode não parecer nada, mas não era o meu caso e o Estevão foi bem enfático quando disse que não poderíamos sob hipótese alguma gastar tudo isso com as flores.

Depois de muito chororô resolvi que tinha que fazer alguma coisa, foi aí que a Carolina Souza Lima me salvou, rsrs, ela postou em seu blog um casamento simplesmente lindo onde predominavam os tons de laranja e amarelo e os arranjos da mesa principal pareciam relativamente simples. Ela usou buquês de lírios na cor laranja, buquês de rosas na cor amarela e buquês de astromélias também na cor amarela dentro de grandes taças de vidro e dois amarrados de uma folhagem chamada imbira. Embaixo da mesa ela usou buchinhos e para completar o visual ela usou bambus-mossô, um de cada lado da mesa. Achei que essa decoração tinha tudo a ver com o local onde casaríamos, então fui à CADEG com o Estevão fazer um levantamento dos preços das flores.

Uma outra coisa bacana que sempre vejo nos casamentos decorados pela Carolina Souza Lima é que ela costuma misturar flores consideradas menos nobres (como as flores do campo) com flores nobres, e eu percebi que além de trazer um clima descontraído para a decoração isso pode ajudar a diminuir o orçamento. De posse dessas informações e com um pouco de criatividade fiz uma nova proposta para as flores e entreguei ao florista 15 dias antes do casamento.

Para que não precisássemos pagar pelo frete e também não precisássemos ir até a CADEG na manhã do casamento, meu sogro e meu cunhado (que também era um dos padrinhos) se ofereceram para ir buscar as flores. Fiz uma lista de tudo que eu queria e passei para eles na véspera. Meus cálculos me permitiram gastar R$ 500,00 com as flores.

Como também queria usar os bambus e buchinhos na decoração procurei saber onde poderia alugá-los e o próprio florista cuidou disso para nós, pois o buffet que eu contratei já estava acostumado a usar esses elementos na decoração. Não me lembro o valor exato, mas com certeza o aluguel das plantas e cachepots para os buchinhos saiu por menos de R$ 150,00.

Uma semana antes do casamento eu fui ao SAARA com uma tia minha para comprar mais umas coisinhas que estavam faltando. Como não queríamos gastar muito com os pontos de luz, mas também não queríamos que o casamento ficasse no escuro optamos por usar a iluminação do sítio e para disfarçar as lâmpadas nós compramos lanternas japonesas. Com isso alugamos somente 40 pontos de luz, o que nos custou R$ 400,00 e cada lanterna japonesa saiu por R$ 3,50. Comprei ainda umas forminhas de papel bonitinhas, é claro que as de tecido são muito mais bonitas, mas são muito caras e as pessoas jogam fora depois de comer os docinhos, então ficamos com as de papel mesmo. Comprei só 5 caixas com 40 unidades, e cada uma me custou R$ 7,50, o que significa que nem todos os doces ganharam as forminhas bonitas.

Em uma lojinha de utilidades perto de casa eu comprei vasinhos de vidro baratinhos para as mesas dos convidados e 2 vasos maiores para a mesa principal, gastei no total R$ 90,00.

Já tínhamos chegado ao limite de R$ 5.500,00 quando surgiu outra questão... o sítio não tinha cadeiras suficientes para o número de convidados, então precisaríamos alugar. Não dava para alugar aquelas cadeiras bonitonas de madeira ou ferro, então apelamos para as clássicas cadeiras bistrô de plástico e capas de tecido brancas. O Estevão conseguiu um precinho camarada com um conhecido dele e o aluguel das 120 cadeiras + capas ficou em torno de R$ 300,00, não teve jeito e acabamos passando um pouquinho do orçamento, mas isso acontece e valeu a pena.

Parecia que estava tudo certo, mas no dia do casamento eu acordei com um telefonema do Estevão às 6 da manhã e a voz dele estava tensa. Ele tinha ido ao sítio para colocar as lanternas japonesas e o florista tinha dito para ele que talvez aquela quantidade de flores não fosse suficiente para o que eu queria. Eu surtei, falei com o florista pelo telefone e ele pediu para eu me acalmar que ele faria o melhor possível com as flores. O que aconteceu foi que eu entendi errado o número de colunas que seriam usadas na cerimônia e por isso comprei rosas a menos. Para nossa sorte o Amauri trabalha muitíssimo bem e fez um verdadeiro milagre com as flores que nós compramos e o resultado ficou ótimo.

 Vamos ver as fotos e eu continuo os comentários em cima delas.

Esta primeira foto é da ala da cerimônia. Optei por usar o tradicional tapete vermelho ladeado por colunas de ferro brancas, ambos parte do mobiliário do próprio buffet. Os arranjos das colunas eram compostos por rosas brancas, murta e chuva de prata e foram montados em espuma floral. Os pontos de luz foram utilizados sob as colunas e nas paredes.



De cada lado do púlpito foram usados arranjos contendo rosas brancas, murta, chuva de prata, rosas amarelas e tango. O tango é uma excelente opção para arranjos, pois é bem baratinho e dá volume ao conjunto.





A foto a seguir é do lounge, que ficou bem na entrada da festa, de frente para a mesa principal. Reparem na mesinha onde foi colocada uma cascata de chocolate e espetinhos de fruta para deleite dos convidados, rsrs. Abaixo o arranjo do lounge, composto por murta, chuva de prata, rosas e astromélias e ainda o detalhe da mesa com as frutas e a cascata de chocolate.










A seguir algumas fotos das mesas principais:
























Vamos aos detalhes: Na mesa principal foram utilizados arranjos de lírios na cor laranja e astromélias com cores que variavam entre o rosa, o amarelo e o laranja. No centro foi utilizado um vaso branco com folhas de imbira. De cada lado foram colocados bambus mossô e embaixo das mesas cachepots com buchinhos. Nos vasinhos suspensos estavam pequenos arranjos de mini-margaridas nas cores amarelo e branca, e chuva de prata. Na próxima foto dá para ver a cortina de voal branco que foi utilizada para decorar a lateral das mesas.



Abaixo detalhes dos arranjos de lírios e astromélias.


Aqui o amarrado de imbira e as gaiolinhas de ferro brancas que a Aline usou na decoração da mesa.




A seguir, o armário de bem casados, onde foram utilizados 2 arranjos maiores contendo rosas, murta, astromélias, chuva de prata e margaridas em tom alaranjado, além de pequenos vasinhos com rosas. Pedi para colocarem 3 porta-retratos, um deles com uma foto que tiramos em uma viagem para Arraial do Cabo e as outras são fotos de família de quando éramos crianças.





Agora a mesa do bolo, com os lindos noivinhos, que acreditem se quiserem, comprei por apenas R$ 17,00!!! Aliás encontrar esses noivinhos foi uma saga e será assunto para outro post, rsrs.



A seguir as mesas dos convidados, as toalhas foram todas brancas e usamos 2 tipos de cobre manchas, um amarelo estampado e um laranja sem estampa, e os centros de mesa, onde foram usadas rosas brancas e amarelas.



Em outros posts continuarei mostrando as fotos do casamento e falando sobre outros detalhes. Espero que tenham gostado. Comentem!!!


Bjins e até +!!!

8 comentários:

  1. Nossa,lindo seu casamento,muito delicado.
    Adorei os tons,muito chique.
    Parabéns.
    Besitos

    ResponderExcluir
  2. Adorei a decoração , e curti os preços !São preços dentro do meu orçamento rsrs só foi triste o aluguel das cadeiras, sempre cobram caro !

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nem me fala, essas cadeiras me fizeram até chorar!rsrs
      Mas no fim deu tudo certo, graças a Deus!

      Bjins!

      Excluir
  3. Carol, nao precisa se desculpar por republicar uma postagem nao! É uma pratica comum mos blogs e é muito legal porque eu mesma que nao tinha lido, fiquei sabendo. Hehhehe!! Beijoss, Deus abençoe seu casamento

    http://sonhodecasamentobsb.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ahhh, obrigada pela dica, rsrs. Eu realmente fiz sem querer e depois fiquei sem saber o que fazer, mas percebi que no fim das contas foi até bom, rsrs!!!

      Bjins!!!

      Excluir
  4. gostaria de saber onde comprou os vasinhos para decoração suspensa.aliás,ficou uma graça!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá,

      Esses vasinhos são encontrados em qualquer lojinha de utilidades para o lar. Se você for do Rio pode encontrar preços muito bons na SAARA. Eu encontrei em uma lojinha de utilidades perto de casa mesmo! Se quiser mais detalhes me envie um e-mail: sposata.blog@gmail.com

      Bjs!

      Excluir

Comenta aí gente!!!!rsrs

Se fizer alguma pergunta deixe seu e-mail por favor para que eu possa responder!

Obrigada!!!